Precisa de ajuda?
Servidor I
Anterior
Próximo
Servidor II
Anterior
Próximo

Quem tem medo da redação da UNIRV?

Caetano Mondadori
Caetano Mondadori

Imprevisível. Essa é a palavra que muitos vestibulandos usam para descrever a banca de correção de redação da Universidade de Rio Verde (UNIRV). Tendo como nota máxima 8 pontos, é incomum que bons alunos tirem acima de 6 nessa prova. Mesmo os estudantes experientes em produção de texto revelam certa insegurança quando falam desse exame.

No entanto, fugindo totalmente a essa regra, o nosso aluno Arthur Gomes Pidde obteve um dos melhores resultados em redação na UNIRV desse ano, sendo aprovado em segundo lugar para o curso de medicina: sua nota em dissertação foi 7,5, apenas cinco décimos abaixo da pontuação máxima. Sobre essa pequena distância, o estudante afirma acreditar que uma pequena distração na hora de passar o rascunho a limpo tenha sido o empecilho para fechar a prova.

Mas não importa. Satisfeitíssimo com seu resultado muito acima da média, Arthur pretende se matricular no curso dos seus sonhos, aquele para o qual se preparou o ano inteiro. Ele é de Goianésia, mas morou em Goiânia nos últimos 4 anos, nos quais concluiu o ensino médio no Instituto Federal Goiano (IFG), de onde saiu com o diploma técnico em Engenharia Eletrônica. Apesar do bom desempenho no IFG, Arthur revela que seu sonho mesmo era fazer medicina, tanto é que resolveu deixar o futuro como técnico de lado e voltou à sala de aula, dessa vez para estudar para o Enem.

Aliado a isso, decidiu também investir em um curso de redação, pois sabia que uma boa produção de texto poderia ser determinante para conseguir a aprovação desejada. Procurou a MONDADORI Centro de Estudos já no meio do ano, um período atípico para iniciar um curso de redação. No entanto, para sorte do aluno, no período a escola abriu as turmas do seu curso anual intensivo de segundo semestre, no qual o professor Caetano Mondadori deu todos os conteúdos do curso anual em um ritmo nunca antes visto.

A preparação intensa fez toda diferença para Arthur. Ele assistiu a todas as aulas, fez as provas, participou das correções e, em 3 meses, já dominava o método ensinado por Caetano em sala. Seguir a estrutura ensinada pelo professor lhe garantia, inclusive, ótimas notas nas provas de redações do cursinho, nas quais o desempenho do estudante era sempre superior a 900.

Por isso, para Arthur, o sentimento em relação à MONDADORI é de gratidão. “Devo muito ao professor Caetano por ter me acompanhado em todo esse processo. Ele é um grande profissional que vai dar todas as oportunidades para o aluno realmente aprender. O fato dele abrir a escola aos domingos, por exemplo, para que os alunos do curso intensivo tivessem mais correções individuais foi um grande gesto em prol dos alunos. Não vou esquecer essa atitude humana dele”, revela o estudante.

Para ele, esse final de ano será de espera pelos resultados dos próximos vestibulares. Além da UNIRV, prestou também para algumas universidades paulistas e o próprio Enem. Quando perguntamos se ele vai cursar a UNIRV, sua resposta é: só janeiro vai dizer. Aguardamos torcendo.

Compartilhar o artigo:
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest
Quer ler mais?
Artigos relacionados:
como começar a redação do Enem
Estrutura da Redação
3 Dicas práticas para começar a redação do ENEM

A dúvida sobre como começar a redação do Enem persegue muitos alunos. Afinal, fazer uma dissertação até pode ser fácil, mas o difícil mesmo é começar, não é? Eu entendo bem esse sentimento de insegurança por ter mentorado algumas centenas de alunos nos últimos anos. O maior desejo de quem treina redação para Enem é

Leia mais »

Quer conhecer meu curso semestral?