Dica Cultural

Dica de Filme | O Cárcere e a Rua

39

Cláudia, a presidiária mais antiga da Penitenciária Madre Pelletier, casa de detenção feminina da cidade de Porto Alegre, será solta em breve, após 28 anos de prisão; Betânia, condenada a 15 anos de reclusão, acaba de progredir para o regime semi-aberto; já Daniela, de 19 anos, chega à Penitenciária vivendo uma situação dramática: grávida, foi condenada por ter matado o primeiro filho. As histórias dessas três mulheres formam o eixo central de “O Cárcere e a Rua”, documentário dirigido por Liliana Sulzbach e lançado em 2004.
.
O professor Caetano Mondadori comenta que o grande mérito dessa obra é abordar como as entrevistadas, cada uma a sua maneira, lidam com a difícil transição entre dois mundos – o de fora e o de dentro das grades. O filme é um retrato sobre a perda de referências e identidade, o confrontamento com as consequências dos próprios atos e a dura adaptação a uma realidade da qual pouco se sabe.
.
O professor recomenda a obra como referência para dissertações que abordem o encarceramento feminino, a readaptação dos ex-presidiários à sociedade, a perda da liberdade, entre outros assuntos relacionados.

#ocarcereearua#encarceramentofeminino #liberdade#documentario #dicadefilme#redação #estudante #enem

O que você acha desse artigo?

Selecionados 0

Login

Criar uma conta

Seus dados pessoais serão usados para aprimorar a sua experiência em todo este site, para gerenciar o acesso a sua conta e para outros propósitos, como descritos em nossa política de privacidade

Recuperação de Senha

Precisa recuperar sua senha? Digite o e-mail cadastrado e você receberá um e-mail com um link para criar uma senha nova.